Apresentação Power Point

As apresentações de trabalho acontecem durante toda a vida acadêmica. Normalmente são personificadas na figura de seminários, mas podem ocorrer durante palestras e são também importantes no exercício do trabalho.

Seguindo as regras de marketing, a imagem é um ótimo atrativo. Falamos aqui, tanto do marketing pessoal como o da empresa. No caso do funcionário, a apresentação conta como um ponto a mais para se vender a imagem da instituição. Para o aluno, complementa o trabalho científico (seminário, texto, resumo...).

Um dos programas mais utilizados para se fazer apresentações é o Microsoft PowerPoint. Através de slides, as imagens passam com as informações, contendo ou não gráficos, figuras, tabelas, quadros e textos.

As regras principais que devem nortear qualquer apresentação no PowerPoint são relacionadas à boa comunicabilidade. Para complementar, a estética também é de suma importância, pois agregamos valor àquela imagem, mas do que ela representa originalmente.

Dentro dessa comunicabilidade, ressaltamos que não deve haver falhas na comunicação, para isso, se deve zelar por informações concisas e coesas, de forma simples e que possam ser entendidas à primeira olhada. A explicação complementará a apresentação.

Algumas dicas técnicas são importantes para que o visual da apresentação não seja comprometido.

Entre elas citamos:

• Sete linhas são o suficiente por cada slide exibido;

• Não utilize abreviações

• Tabelas, com no máximo de duas colunas, utilizando quatro linhas.

Com isso, evitamos um mal-estar visual ao encarar o trabalho. O excesso de informações pode ser prejudicial para o entendimento do público-alvo.

Evite tentar explicar tudo no slide. Ele só serve como referencial e atrativo visual para os participantes. O importante é que ele seja condizente com o que você expõe e que seja complementador do conteúdo que você apresenta.

É importante também, que se use as mesmas palavras utilizadas nos slides. Terminologias que não sejam explicadas na sua apresentação são dispensáveis. Deve haver relação entre esse conteúdo e o apresentado.

Os tópicos utilizados na apresentação são muito parecidos com o de qualquer trabalho científico.

Resumo. Um bom resumo é essencial. Apesar do que é falado no início da apresentação, algumas palavras-chave e “ganchos” ajudarão ainda mais na compreensão do público.

Introdução. A introdução não precisa ser grande ou abordar tudo que vá ser falado, em suma, ela responde ao questionamento “o que me fez pensar sobre esse assunto”. Lembrando que se deve economizar nas palavras.

Objetivos. Aqui o autor colocará o porquê de ter feito a pesquisa. Dois objetivos são suficientes. O apresentador deve-se abster de motivações pessoais e ser bem direto.

Metodologia. Aqui, relaciona-se os métodos utilizados para se chegar aos resultados.

Resultados. Gráficos, tabelas e quadros são um bom atrativo nessa parte da apresentação. Nesse ponto você expõe o que conseguiu descobrir com sua pesquisa.

Conclusões. Você deve utilizar até quatro slides para esse tópico. De suma importância na apresentação, a partir de cada ponto descrito, você poderá tecer comentários para o público.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

COMO FAZER UMA APRESENTAÇÃO EM DEZ MINUTOS. Disponivel em endereço virtual: www.ufrgs.br/propesq/seminarios/apresent.ppt

Telefones .: + 55 (11) 3717-3358 / (19) 3119-7611 / (21) 3521-8979 / (31) 3231-5800 / (61) 3717-1286 / (41) 3941-4820 / (51) 3251-4430
E-Mail .: duvidas@monografiasprontas.com.br / E-Mail .: info@monografiasprontas.com.br
Msn .: escrevendo@globo.com / Skype .: monografiasprontas.com.br

Aviso Legal   |   Troca de links   |   Mapa do Site

© 2003 / 2008 - www.monografiasprontas.com.br - Todos os direitos reservados